quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Porrada!


De à dois anos para cá descubri o gosto pela porrada, isto é, de ver porrada. E de que porrada falo eu, perguntam vocês? Falo de MMA, Mixed Marcial Arts (Mistura de Artes Marciais, para os não falantes do Anglicano), onde duas pessoas lutam em três rounds de cinco minutos, só não vale os chamados golpes baixos (pontapé, murro ou ferradela nos tomates e dedos nos olhos), bater na nuca e atingir um adversário na cabeça com os pés ou joelhos quando este estiver caído (basta estar com um joelho no chão), e em termos de regras é isto.


Um amigo meu, o Belho, pegou-me o gosto nos já longinquos tempos em que eu trabalhava na Qimonda, lembro-me de ver Vale Tudo no GNT e de não achar piada nenhuma ver ali dois homens a esfregar-se no chão, por isso não foi surpresa quando o Belho me falou da porrada eu ter respondido em toda a minha ignorância..." QUE PANELEIRICE!". Como já devem ter percebido, isso passou-me e agora sou fã. O primeiro lutador que me chamou a atenção foi um lutador brasileiro, o Shogun, ele era simplesmente incrivel e imparável, chegando mesmo a fazer com que um adversário fugisse do ring. Uma das armas principais dele eram os "Soccer Kicks" ou "Pezão", que basicamente consistia em chutar a cabeça dos adversários quando eles estavam caídos, como viram em cima, isto agora é ilegal (e isso sim, é uma paneleirice) fazendo com que o Shogun perdesse metade da piada. Neste momento sigo atentamente tudo o que se passa no mundo do MMA, principalmente o UFC (a principal organização de MMA do mundo).
Fiquem com uma amostra desta arte em franca espansão, neste video de melhores momentos do lutador de que vos falei anteriormente, SHOGUN :)
Mas isto não é só para homens, topem esta menina, Gina Carano...

6 comentários:

tazmaniangel disse...

É estranho e carece de alguma analise, esta estranha evoluçao da raça humana.
Continuamos a evoluir em quase tudo o que sao tecnologias, temos computadores que cabem no bolso, temos homens na Lua, satelites em Orbita, naves em Marte, temos bolas de futebol com sensores que dizem se a bola entrou ou nao, temos curas para doenças complicadissimas, temos avioes que planam, vibradores com baterias recarregaveis, temos carros com 1000Hp, temos tudo e mais alguma coisa para provar a vontade do Homem em evoluir...

E depois somos confrontados com situaçoes menos tendentes a esta evoluçao...
Exemplos: A Porrada de que te confessas fã ; Os filmes do Antonio Silva e do Vasco Santana que nunca mais param de passar na Rtp ;... and so on and so on...

Falemos de gostos, mas nao discutamos sobre eles porque normalmente isso nao nos leva a lado nenhum :) e por isso deixo apenas a minha humilde opiniao sobre o assunto: "gajosaespancarem-secomatestosteronaaossaltos"
Nao Curto.
Mas compreendo que gostes!
Ninguem vira as costas a uma boa briga :)

Venham mas é esses posts do Eros...
=D

Darsch disse...

Compreendo que não gostes Taz, isto é como a Coca-Cola, primeiro estranha-se depois entranha-se, mas compreendo o teu ponto de vista, apesar de achar que por muito que o Homem evolua, vai haver sempre violência dentro dele a querer sair, e que melhor do que poder exorcisar essa raiva num ring contra outra pessoa que quer fazer exactamente o mesmo e ainda assim ganhar uns trocos.
Ah, lembrei-me de mais uma coisa completamente ultrapassada e que já merecia ser extinta...o benfica :P

tazmaniangel disse...

A violencia é algo que realmente cativa o Homem... Toda a gente tem montes de videos no seu computador, com gajos à porrada, com gajos a cairem de skate e a baterem com a cana do nariz no betao, gajos a saltarem telhados e a partirem a tibia e o peronio de uma so vez, pessoal a ser violentamente atropelado... Mais do que isso... Quando um gajo vai na auto-estrada e ve um acidente do outro lado fica tudo maluco com a cabeça a sair meio metro fora da janela so para tentar ver as tripas do gajo que se espatifou... e depois o doce acrescentar de pormenores que a historia do acidente vai sofrendo é algo que sempre me cativou... tipo... o gajo partiu um dente num acidentezito a 80km/h, mas quem ouviu a historia ja vai contar que os gajo partiu os dentes todos e tinha a cabeça rachada em tres sitios, e era so sangue, e que o gajo devia vir prai a 180km... e passada a historia por mais tres pessoas, ja ouvimos falar em Helicópteros do Inem, em mais de 10 carros envolvidos, para cima de 20 mortos... enfim a historia nunca mais acabava...
Tudo por um desejo intrinseco ao Homem de querer ampliar a tragedia dos acontecimentos, para alimentar a sede desta violencia que parece nos satisfazer os ouvidos...
É estranho mas a violencia faz parte do Homem...
Por isso optei por ser "Fake-Objector-de-Consciencia" e nao me entrego aos prazeres da violencia...
Eu so nao gosto da Porrada porque sou um mariconço :) e me lembra sempre os excertos de patada e pontape no focinho que levava no ciclo, dos gangs da Caxina... =D

Quanto ao Glorioso, nao o queiras extinguir... Aposto que te da montanhas de alegrias cada vez que perdemos contra o Trofense... ou cada vez que surge um penalti fantasma a favor de uma certa e determinada equipa... :)

Darsch disse...

Man, concordo contigo a 100% no que dizes em relação à violência, principalmente à curiosidade morbida das pessoas em geral, os insultos que já me sairam da boca em plena auto-estrada quando algum filho da puta se lembra de travar na faixa da esquerda só para poder ver melhor o acidente na outra faixa. Mas a forma como vejo o MMA é diferente, é uma arte marcial e é mesmo assim que deve ser vista, como arte, mas atenção, não é por dizer isto que considero imediatamente qualquer coisa como arte, como por exemplo, a pseudo-arte da tourada, que na minha opinião já devia ter sido extinta à muito... No caso dos gangues, percebo, apesar de nunca ter levado no focinho, talvez por ser gordo, era mais à base de insultos verbais e como andei na C+S dos bombeiros, os gangues não eram de caxineiros, mas de corrécios @_@ Quanto ao benfica, tenho que admitir que tens razão :P

tazmaniangel disse...

ok darxh... darsh... darch... darsch va... Nunca me lembro :)
Portanto, dizia eu...
OK! Eu comentei inicialmente o post(e) sem ter visto o video...
E agora que vi o video (40segundos), e ja desmaiei 3 vezes, e ja me levantei, e ja descansei a cabeça e ja repousei dos desmaios, e ja tomei uns calmantes e uns ben-u-roes, e ja me sinto com as tensoes mais equilibradas, agora sim, ja me sinto mais ou menos em termos de comentar algo mais sobre o que se ve no video... e o que tenho para dizer é algo parecido com:
VALHA-ME SANTO DEUS E TODOS OS ANJOS DO CEU!!
Eu acho que se nao fosse tao Calhau com olhos como sou, ate ia gostar disto, mas quer se dizer...
Nao... Nao me parece... Eu sei que é por eu ser uma besta quadrangular mas nao me estou a imaginar a ver isto...
E honestamente tenho IMEEEEEENSAS dificuldades em reconhecer Arte na violencia aguda e gratuita que vi. E preciso ter uma auto-estima muito baixa para se submeter a lutar contra aquele artista, o Shogun...
Existe muita Má-Fe e má intençao naquelas "patadas artisticas" que provavelmente provocam danos irreversiveis na tola daqueles desgraçados...
Como o meu pai diz sobre a cor que eu escolhi para a parede da sala:
"Ha gostos..." =D

Darsch disse...

LOL :)